Labels

segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Teorias Monologo Interativo - Seria a Google a nova Skynet



Usamos tecnologias da área de inteligência artificial diariamente, por mais que não percebamos. Os recursos do assistente de voz de diversos celulares, como a Siri do iPhone 5 ou o S Voice, do Galaxy S4, só funcionam por causa de um campo da IA conhecido como Processamento de Linguagem Natural. E esse também é um dos campos mais explorados por outra gigante do mercado: a Google.

São diversos os produtos da empresa que usam inteligência artificial. O Google Googles, por exemplo, faz uso da visão computacional e até mesmo o anti-spam do Gmail precisa ser “inteligente” para separar, com maestria, as mensagens ruins das demais. E não podemos nos esquecer, também, do carro desenvolvido pela companhia para andar sozinho pelas ruas, sem a presença de um condutor.

Durante o Google I/O 2013, que aconteceu entre os dias 15 e 17 de maio, a empresa reforçou o investimento na área da inteligência artificial e anunciou uma atualização do Knowledge Graph, tecnologia de busca semântica e contextual que deixará seu computador parecido com os de seriados de ficção científica.

E, para reforçar todas essas ideias, a Google contratou, em dezembro de 2012, um dos maiores nomes da inteligência artificial do mundo, que promete trazer algumas revoluções tecnológicas em um futuro próximo, especialmente na área do reconhecimento de linguagem natural .



Sempre que falamos de alguma inteligência artificial mais avançada, de um robô mais esperto ou das garras do Google se espalhando ainda mais nos seus usuários, algum leitor certamente vai gritar “Skynet!” nos comentários. Pois bem. Depois de tanto pedirem, implorarem e gritarem por ela, a data da sua chegada (ao menos na ficção) finalmente chegou. Na série The Sarah Chonnor Chronicles, originada da quadrilogia O Exterminador do Futuro, foi revelado que hoje marca o dia do início da Skynet.

A data foi empurrada o máximo possível por causa das atitudes de Sarah Connor e seu filho John, que tentaram evitar sua criação. Mas de acordo com a série, precisamente às 20:11 do dia 19 de abril de 2011 a rede de inteligência artificial criada para uso militar é ligada, se torna auto-consciente e lança um ataque nuclear que aniquila boa parte da humanidade.



Desde que o Google alcançou esse sucesso gigantesco, todo mundo costuma brincar que ela é a Skynet, mas agora a coisa ficou muito mais séria!

?

O Google, que abriu as portas no dia 15 de setembro de 1998, possui uma história de sucesso inigualável. Quase tudo que a empresa faz torna-se um produto rentável, mesmo quando todo mundo acha que as coisas não vão dar certo.

Cada dia que se passa, a empresa de Mountain View lança novos produtos, sem deixar que seus serviços piorem ou que o foco seja perdido. Tal façanha lhe coloca na seleta lista de maiores e mais lucrativas empresas do mundo. Mas o avanço do Google, principalmente nos últimos anos, revelou algo muito interessante: Ela não é mais uma empresa “apenas” de internet.



COMPRANDO TODO MUNDO

313841-google-acquisitions-the-good-and-not-so-good

Você pode não saber, porém o Google anda comprando “tudo que vê pela frente”. Contando de 2010 para cá, a empresa já comprou mais de 130 companhias, algo em torno de uma por semana!

As aquisições são nos mais variados ramos, desde busca de internet, passando por modelamento de software, indo por desenvolvedoras de servidores e até mesmo uma empresa de análise de restaurantes.

E agora o Google se “puxou” e comprou uma das mais famosas empresas de robótica do mundo! A partir do dia 14 de dezembro de 2013, a Boston Dynamics passou a fazer parte do mundo Google de empresas.